Aço na decoração traz modernidade e sustentabilidade

15 de outubro de 2021 em  Dicas

Uso do aço na decoração

O estilo industrial conquistou o design contemporâneo e traz elegância, modernidade e sustentabilidade

 

Por muito tempo, o uso de metais pesados aparentes em construções era encontrado apenas em fábricas, armazéns e indústrias. Contudo, com o passar dos anos, esses materiais viraram tendência no design contemporâneo, sendo trazidos para dentro das casas e estabelecimentos comerciais. O aço é um ótimo exemplo disso, pois, variado em cor e textura, proporciona um ar moderno ao ambiente, além de ser sustentável.

Muitas pessoas apostam nesse estilo de decoração pela combinação de cores, trazendo a sensação de um local moderno, elegante e sereno. Mas, além disso, há muitas vantagens de se apostar em móveis, revestimentos e decorações de aço, como resistência a desgastes e variações bruscas de temperatura e custo-benefício.

Design de interiores

O aspecto moderno e elegante do ambiente pode ser criado a partir de móveis e decorações, e o aço é um material que tem sido muito bem recomendado por diversos profissionais de design e arquitetura. Cores neutras e frias, como os diversos tons de cinza, são tendências na escolha de móveis e utensílios de decoração. Segundo o arquiteto Vicente Raymundini, o aço é muito usado em móveis e em estruturas de pilares e vigas, devido ao estilo industrial que gera maior praticidade, leveza e um acabamento mais eficaz.

“O aço também está sendo muito usado na parte de iluminação, com luminárias em trilhos, spots e arandelas no estilo industrial. No paisagismo, o aço entra nas estruturas do gazebos, pilares e pergolados”, diz Raymundini. O arquiteto completa que, além da beleza, móveis e objetos de aço inoxidável transmitem a sensação de um lugar limpo e higienizado.

Custo-benefício e sustentabilidade

A palavra da vez nos setores industrial e comercial é sustentabilidade, e o aço é o material mais reciclável do mundo. Segundo o Instituto Aço Brasil, 8 milhões de toneladas de sucata de aço foram recicladas em 2019. O descarte correto de produtos domésticos inoxidáveis contribui para a reciclagem e reutilização.

Produtos feitos do material inoxidável, quando bem fabricados e conservados, podem ter durabilidade de até 30 anos. Pensando nisso, o aço tem ótimo custo-benefício, aliando durabilidade a sustentabilidade. “O custo-benefício em relação ao aço, hoje, como especificação de material de projetos, está ligado primeiro ao custo viável, durabilidade, resistência e acabamento impecável, trazendo para o cliente final tranquilidade e alta tecnologia na aquisição do produto”, destaca Raymundini.

Manutenção e limpeza

Cuidados com a manutenção e a limpeza são essenciais para a vida útil do material. Mesmo sendo mais resistente, é recomendado que, no momento de uso ou limpeza, a superfície não fique molhada, pois tal umidade pode comprometer o estado.

Outra dica é não usar produtos ou materiais de limpeza abrasivos, como palha de aço. Geladeiras, estantes ou corrimão de escadas, por exemplo, devem ser limpos com panos úmidos e depois secos, a fim de evitar ranhuras e desgaste nas superfícies.